Afinal, você sabe o que é remarketing?

 em ADS - Anúncios

Não é mais novidade que a internet é o local no qual grande extensão de dados é gerada. Nesse contexto, o ambiente atraiu a atenção de empresas com necessidade de anunciar seus produtos. Entretanto, com essa vasta quantidade de informação sendo publicada diariamente, é difícil um usuário acessar o website de uma empresa específica e, dias depois, lembrar o domínio para acessá-lo novamente. Para resolver essa questão, surge o remarketing. Mas, afinal, o que é remarketing?

Entenda, de uma vez por todas, o que é remarketing!

De forma resumida, remarketing é o processo de identificação dos usuários que acessaram o seu site e a apresentação dos anúncios contidos nele. Os benefícios são inúmeros, desde a alta taxa de conversão até o fortalecimento de marca.

Imagine que você está em busca de uma cadeira de escritório. Chega em casa, liga o computador e começa a pesquisar pelo produto. Entretanto, entende que aquele não é o momento ideal de efetuar a compra. Por isso, fecha a aba e não se lembra mais do site. Segundos depois, você acessa o Facebook para o seu entretenimento. Em seguida, vários anúncios daquele item específico, pelo qual você procurava minutos antes, está aparecendo. Esse processo é o que chamamos de remarketing.

Variações de Remarketing

A implementação desse processo pode acontecer de várias formas, algumas delas são:

Custom Audience no Facebook Ads

O Facebook Ads disponibiliza uma variação de remarketing que oferece resultados qualitativos. Assim, a empresa pode fazer o upload de uma lista de e-mails e indicar que seus anúncios apareçam para aqueles usuários especificamente.

Nesta variação é importante que os e-mails sejam válidos e condizentes com o perfil na rede social. Uma dica interessante aqui é criar uma landing page com pagamento social — através do qual a pessoa forneça, de forma assertiva, o seu e-mail de perfil na rede — e que essa lista gerada seja utilizada para um anúncio específico.

Pixel no Facebook Ads

Uma outra alternativa ofertada pelo Facebook Ads é o pixel. Com a instalação de um código é possível veicular anúncios específicos dentro da rede social para os usuários que acessaram o seu site.

Track do Google

A variação de remarketing mais popular é a ofertada pela gigante Google. O serviço do Google Adsense reúne inúmeros blogs, sites, veículos de comunicação e portais. Dentro desse contexto, através do Google Adwords, é possível criar anúncios específicos para canais e conteúdos que estejam alinhados com o anúncio em questão.

E-mail Marketing

Um processo popular de remarketing é enviar e-mails com determinada frequência para aqueles que acessaram uma página específica do blog ou site da empresa, ou seja, criar conteúdo específico de fundo de funil para quem buscou aquele certo item.

Ainda, é importante prestar atenção no know how de quem aplica esses processos, pois, às vezes, eles podem não saber o que é remarketing e acabam não gerando resultados por conta da implementação realizada de forma ineficiente. Pensando nisso, talvez seja interessante saber um pouco mais sobre os serviços de uma agência digital para que uma empresa especializada possa te ajudar nessa etapa.

O método de remarketing é interessante por inúmeros motivos. Mas, além disso, existem outros recursos e curiosidades dentro do ambiente virtual que podem ajudar, e muito, a sua empresa a lucrar na internet.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

AdSenses rich medialinks patrocinados