Aprenda aqui o que é retargeting

 em ADS - Anúncios

Ficar na mente de seus clientes em potencial facilita o processo de convencê-los a comprar. Ver um produto apenas uma vez pode não causar uma impressão tão positiva quanto esbarrar nele em outras situações ao longo da navegação diária pela internet. Esse é, precisamente, o papel do retargeting.

No post de hoje falamos sobre o que é retargeting e quais são suas vantagens no marketing digital, bem como quais são as melhores formas de utilizá-lo. Se interessou? Continue lendo!

O que é retargeting?

Retargeting, em um sentido mais amplo, é a exibição para um usuário de um anúncio de uma empresa que ele já tenha visitado anteriormente. Seu objetivo é que o cliente mantenha o produto em mente e siga considerando sua aquisição por mais tempo.

Enquanto uma única visualização tem um efeito mais curto na memória de um cliente em potencial, vê-lo novamente em outras oportunidades causa uma impressão mais duradoura.

Você já deve ter percebido que um produto visto em uma loja virtual aparece em banners de páginas que não têm nada a ver com ele. O mesmo acontece no Facebook, em forma de anúncio, ou em e-mails promocionais. Esses são alguns dos meios de atingir novamente um cliente em potencial. 

Quais são suas vantagens?

O retargeting parte de uma premissa verificada na experiência do marketing digital: é muito raro que uma pessoa faça uma compra online na primeira vez que visita uma loja que tem produto que ela está buscando. Uma visita geralmente é seguida de um período de consideração e, muitas vezes, o produto pode ser completamente esquecido nesse meio tempo.

Com isso, tem se tornado cada vez mais comum que as empresas utilizem o retargeting para exibir seus produtos novamente para visitantes que demonstraram interesse por eles. A técnica pode ser usada para casos de apenas uma visita ou de carrinhos de compras abandonados por algum motivo.

De todo modo, trata-se de uma maneira de alcançar clientes em potencial em momentos em que eles estejam com outra mentalidade. A ideia é conseguir abordá-los quando estiverem mais preparados para fazer a compra: ao chegar em casa à noite depois de ter visitar a loja online durante o dia ou depois de ter tipo tempo suficiente para considerar a compra.

Como fazer?

A seguir, apresentamos três formas de fazer uma estratégia de retargeting. Confira!

Rede de display do Google

A ferramenta de remarketing do Google AdWords, quando instalada no site de uma loja online, monitora os acessos de usuários. Depois de configurada, ela exibe produtos já visitados em sites da rede de display: páginas distintas que oferecem parte de seu espaço para banners de anúncio do Google.

Anúncios no Facebook

O Pixel do Facebook é uma ferramenta que ajuda a melhorar o desempenho dos anúncios publicados na rede. Uma de suas funções é o retargeting, que monitora as visitas no site de uma empresa por meio do Facebook. Depois, permite exibir anúncios personalizados no perfil dos visitantes, com base nos produtos que eles visualizaram.

E-mail marketing

Atingir a caixa de e-mails de clientes em potencial com produtos de seu interesse é outro modo de fazer um retargeting eficiente. Alguns sistemas de e-mail marketing, como o MailChimp, têm uma função de retargeting que entra em ação quando um visitante visualiza um produto ou abandona um carrinho de compras.

Ao longo desse post falamos sobre o que é retargeting e anúncios em marketing digital. Que tal se aprofundar um pouco mais no assunto e conferir nosso post sobre anúncios responsivos?

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Anunciar no Facebook